Argentina se sente prejudicada com vendas de ingressos da Copa 2014!

- PUBLICIDADE -

A sessão relâmpago de venda de ingressos para a Copa do Mundo de 2014 realizada nesta segunda-feira voltou a desagradar o público argentino. O país havia conseguido poucas entradas na primeira etapa de comercialização, embora fosse um dos líderes em solicitação.

“Duram menos que um cachorro quente”, noticiou a emissora TyC Sports, ressaltando que os 228.959 ingressos colocados à venda no site da Fifa foram esgotados em apenas sete horas. A entidade máxima do futebol mundial havia planejado deixar esta fase de venda de ingressos disponível até o dia 28 de novembro.

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Segundo a Fifa, 38% dos tíquetes vendidos nesta segunda-feira foram comprados por estrangeiros. O torcedor argentino foi um dos que mais adquiriu, ficando atrás de Estados Unidos, Austrália e Inglaterra.

A primeira etapa de vendas, realizada até a semana passada, teve mais de 260 mil solicitantes argentinos, mas apenas 4 mil foram sorteados. A Fifa alegou que o baixo número de contemplados ocorreu porque a maioria da procura se deu para jogos em Porto Alegre. Nesta segunda etapa a forma de vendas foi diferente: os ingressos eram vendidos por ordem de compra.

Até agora, mais de 1,1 milhão de ingressos para a Copa do Mundo de 2014 já foram vendidos. A Fifa abrirá a terceira – e última – fase de comercialização em 8 de dezembro de 2013, após o sorteio dos grupos e as definições das chaves do torneio.

Informar Erro

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Leia também

Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com tal monitoramento.

Prosseguir