XV tem semana para fazer ajustes antes de confronto fora de casa pelo Paulistão A2

O próximo jogo do XV acontece na próxima quarta-feira (26), em São Bernardo do Campo

- PUBLICIDADE -

Após o indesejado empate em 2 a 2 com o Votuporanguense, na noite da última quarta-feira, 19, no Estádio Municipal Barão da Serra Negra, em Piracicaba, pela reabertura do Paulistão A2 2020, o elenco do XV de Piracicaba já se reapresentou na manhã do dia seguinte e, desta forma, iniciou a preparação visando o duelo da próxima quarta-feira, 26, às 15h, diante do São Bernardo, no Estádio Municipal Primeiro de Maio, em São Bernardo do Campo.

Foto: Divulgação.

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

O técnico Evaristo Piza salientou o gosto amargo com o empate sofrido nos minutos finais contra o time de Votuporanga. “A sensação é ruim, com sabor de derrota, pois estávamos terminando a rodada em terceiro e, com o resultado, caímos para o oitavo lugar. Porém, a fé e a confiança no elenco são as mesmas. É ajustar esses detalhes. Temos que nos conscientizar que isso é que define um resultado. Se criarmos temos que fazer, matar o jogo, tem que ser erro zero”, disse.

“Tivemos um início muito bom, depois deixamos o adversário gostar da partida. Demoramos um pouco para ajustarmos a marcação e diminuirmos os espaços, mesmo assim fomos para o intervalo com 2 a 0 no placar. Conversamos e voltamos novamente bem. Tivemos chances claras para matarmos o jogo e não aproveitamos. Antes do empate, o Mota fez grandes defesas e no final fomos castigados por não termos definido o confronto”, completou o treinador.

O comandante lamentou as perdas, ainda na etapa inicial, de Samuel Andrade e Filipe Cirne, que precisaram deixar o gramado por motivos físicos e, com isso, Piza pôde fazer apenas uma parada no segundo tempo. “Eu vi que nosso adversário estava se soltando e optei pela entrada do Erison, para botar velocidade. Pensei em colocar o (Caio) Mancha, mas o (Raphael) Macena estava combatendo bem, estava inteiro e logo depois que o Erison entrou o Macena sinalizou para sair, no entanto o árbitro não permitiu outra substituição, porque o Erison já havia entrado em campo”, lembrou.

Apenas dois pontos separam o XV da equipe do ABC (20 e 22, respectivamente), o que mostra o quanto a classificação segue embolada, restando duas rodadas para o término da primeira fase. Os oito melhores avançam para as quartas-de-final e somente os finalistas garantem o acesso. “Será um duelo muito difícil, contra um time de bastante qualidade, mas temos condições de irmos lá e construirmos um bom placar a nosso favor”, concluiu Piza.

Informar Erro

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Leia também

Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com tal monitoramento.

Prosseguir