Médica que foi picada por cobra deixa UTI do Albert Einstein

Dieynne Saugo estava internada há uma semana em estado grave após ser picada por cobra venenosa em uma cachoeira

- PUBLICIDADE -

médica Dieynne Saugo, que foi picada por uma cobra venenosa durante um banho de cachoeira no domingo, 30 de agosto, deixou a Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Albert Einstein, em São Paulo, na tarde desta segunda-feira (07). Agora, ela segue na unidade semi-intensiva.

Uma foto da médica Dieynne Saugo picada por cobra
Foto: Reprodução

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Ela foi picada três vezes por uma cobra da espécie jararaca quando tomava banho em uma cachoeira de Nobres, a 151 km de Cuiabá. O incidente aconteceu no dia 30 de agosto. Na noite da última quinta-feira (03), Dieynne foi transferida de avião para a UTI do Hospital Albert Einstein.

Segundo informações divulgadas pela família da médica por meio das redes sociais, ela seria submetida a uma cirurgia no braço na madrugada da última sexta (04). Antes, Dieynne passou por transfusão de sangue e realizou o procedimento de traqueostomia (pequena abertura na traqueia) para desobstruir as vias aéreas, que estavam comprometidas em 70%.

A família da médica criou uma campanha no site Vaquinha com o objetivo de arrecadar R$ 300 mil para o tratamento dela. Segundo Nathalia Saugo Paiva, irmã da médica, o valor é referente ao custo da transferência para São Paulo e do período de internação no Einstein (R$ 200 mil).

Foto: Reprodução

Paiva também afirmou que os leitos de Cuiabá estão lotados por causa dos casos de Covid-19 e, por isso, a família optou pelo atendimento em São Paulo. Ela disse ainda que, embora a irmã tenha seguro de saúde, ele não cobre os custos do Einstein nem o transporte de avião.

O vídeo do momento em que Dieynne Saugo foi atacada pelo animal está circulando nas redes sociais. Na filmagem, é possível ouvir os gritos de dor da médica no momento exato em que sofre o acidente. Ela estava tomando banho de cachoeira quando a cobra despencou.

Informar Erro

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Leia também

Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com tal monitoramento.

Prosseguir