Número de mortos em ataque na Catedral de Campinas sobe para cinco

- PUBLICIDADE -

O número de mortos após ataque à uma Catedral na terça (11), em Campinas (SP), subiu para cinco. A prefeitura informou que Heleno Severo Alves, 84 anos, estava internado, mas não resistiu aos ferimentos e morreu. O atirador Euler Fernando Grandolpho, de 49 anos, entrou no local no momento em que ocorria uma missa e atirou contra os fieis que estavam lá. Em seguida ele se matou.

 

campinas
Foto: Facebook

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Além de Heleno, Sidnei Vitor Monteiro, 39 anos, José Eudes Gonzaga Ferreira, 68, Cristofer Gonçalves dos Santos, 38, e Elpídio Alves Coutinho, 67, também foram foram assassinados. As outras três pessoas que foram feriadas e encaminhadas ao hospital já tiveram alta.

Em homenagem às vítimas, a Catedral reabriu as portas nesta quarta-feira (12) com uma missa.

 

Informar Erro

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Leia também

Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com tal monitoramento.

Prosseguir