Após morte de criança, mãe precisa ser socorrida e pai é levado para a delegacia

Casal tinha quatro filhos. Buscas começaram às 13 horas

- PUBLICIDADE -

A mãe do menino de quatro anos que morreu asfixiado precisou de atendimento médico na noite deste sábado (29), e foi socorrida pelo SAMU para a UPA da Vila Cristina, com crise nervosa. A Polícia Civil já iniciou a investigação do caso.

Após morte de criança, mãe precisa ser socorrida e pai é levado para a delegacia
Foto: Wagner Romano / PIRANOT

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Segundo apurou o PIRANOT no local dos fatos, a criança desapareceu por volta das 13 horas. Ela era o caçula de quatro filhos de um casal que mudou para o bairro Nova Suiça há cerca de oito meses, informou o líder comunitário Lorivaldo Messias. “Era uma criança querida aqui na comunidade. Procuramos por tudo, em foças, nos carros que o pai dele, que é mecânico, conserta, mas não encontramos”, disse.

O menino foi achado por volta das 20 horas no quintal de um vizinho. Ele estava com o cachorro, ambos mortos, dentro de um carro velho.

Acionada, a Polícia Civil encaminhou ao local o delegado Alex Adami. O IC (Instituto de Criminalística), enviou uma equipe. Para a reportagem, um perito informou que o carro onde a criança e o cachorro foram encontrados tinha problema para abrir por dentro, o que teria dificultado a saída da vítima após entrar. No corpo não foram encontrados sinais de violência.

O delegado não quis gravar entrevista, mas informou que a primeira linha de investigação é a de asfixia, devido ao calor deste sábado. O pai do menino e pessoas que ajudaram nas buscas foram encaminhadas para a delegacia para depoimentos.

Ainda não se sabe se os responsáveis serão enquadrados por abandono de incapaz, pela idade da vítima.

Após morte de criança, mãe precisa ser socorrida e pai é levado para a delegacia
Foto: Wagner Romano / PIRANOT
Informar Erro

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Leia também

Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com tal monitoramento.

Prosseguir