Câmara vota hoje (08) proposta que amplia direitos a pessoas com fibromialgia em Piracicaba

A proposta inclui pessoas com fibromialgia entre os que têm direito a fila preferencial de atendimento e a vagas de estacionamento reservadas

- PUBLICIDADE -

A Câmara de Vereadores de Piracicaba analisa, nesta quinta-feira (08), o projeto de lei complementar com foco nas pessoas com fibromialgia. A proposta inclui portadores de fibromialgia entre os que têm direito a fila preferencial de atendimento e a vagas de estacionamento reservadas.

De causa ainda desconhecida e sem cura, a fibromialgia provoca dores por todo o corpo durante longos períodos, deixando a pessoa com sensibilidade nas articulações, nos músculos, nos tendões e em outros tecidos moles, além de gerar fadiga, distúrbios do sono, dores de cabeça, depressão e ansiedade.

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

O projeto de lei complementar 9/2020 estende às pessoas com fibromialgia o mesmo direito já conferido aos indivíduos com deficiência em filas preferenciais de atendimento e no uso de vagas reservadas (correspondentes a 2% do total) de garagem e estacionamento de uso público e privado, nas áreas externas ou internas das edificações, e sinalizadas com o símbolo internacional de acesso.

Informar Erro

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Leia também

Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com tal monitoramento.

Prosseguir