Com novos brinquedos, Paraíso da Criança é opção de lazer em Piracicaba

- PUBLICIDADE -

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Desde o último final de semana, o Paraíso da Criança, um dos locais preferidos para o lazer das famílias, conta com uma nova atração. Trata-se de uma linha de brinquedos específicos ao público de 3 a 6 anos. São balanços, gangorras e pula-pulas, vários deles impulsionados por molas, elaborados com características adequadas a esse público. A expectativa da Prefeitura de Piracicaba ao instalar os equipamentos é atrair mais visitantes aos finais de semana, devido à separação dos grupos de brinquedos por faixa etária.

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Os equipamentos, 18 ao todo, são de materiais de alto desempenho, resistência a impacto e longa durabilidade, como aço inoxidável, alumínio, madeira e resina, revestidos por termoplástico. Além de diversão garantida, a tecnologia moderna proporciona maior segurança às crianças no espaço de responsabilidade da Secretaria Municipal de Defesa do Meio Ambiente (Sedema).

O prefeito Gabriel Ferrato explicou que os novos equipamentos foram escolhidos para atender ao público acostumado a frequentar o parque infantil. “Os pais sentiam a ausência de uma área específica para as criancinhas, que acabam tendo de compartilhar os mesmos brinquedos das maiores”, relata Ferrato.

Dessa forma, o local de diversões ganha em qualidade e os pais em tranquilidade. “O risco de possíveis acidentes foi reduzido, o que permite que os mais pequenos brinquem em harmonia com o ambiente natural”, enfatiza Ferrato.

O Paraíso da Criança está instalado ao lado do Zoológico Municipal, na avenida Marechal Castelo Branco, 426, Jd. Primavera. Funciona de terça a domingo, das 9h às 22h. Telefones (19) 3413-5381 / (19) 3421-3425.

Informar Erro

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Leia também

Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com tal monitoramento.

Prosseguir