Em Piracicaba, Polícia Civil prende jovem de 18 anos autor de pichações demoníacas

Ele foi preso na manhã desta segunda-feira (24), após pichar várias casas na cidade; ele também se diz ser um adorador de demônios

- PUBLICIDADE -

A Polícia Civil de Piracicaba prendeu, por volta das 09 desta segunda-feira (24), um indivíduo de 18 anos por crime de pichação em várias residências. Ele também diz ser um adorador de demônios.

Foto: Polícia Civil.

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Após tomar ciência da existência de vários Boletins de Ocorrência de pichação em residências, a Polícia Civil de Piracicaba deu início a um trabalho de investigação visando identificar o autor das pichações.

Foi observado que a grande maiorias das pichações continha as inscrições “AZZL 20” e “AZAZEL”, indicando que elas possivelmente teriam sido feitas pela mesma pessoa. Após pesquisas na internet, visando identificar o significado destas inscrições, policiais descobriram que “AZAZEL”, de acordo com os estudos da Demonologia, seria um demônio praticante de zoofilia (sexo com animais).

Assim, policiais civis logo identificaram o autor das pichações e se diligenciaram até sua residência, no bairro da Paulicéia. Ao ser inquirido do vandalismo, ele prontamente confessou a autoria das 11 pichações realizadas. Ao ser questionado também do teor de suas pichações, o indivíduo disse ser um adorador de demônios, ritos satânicos e que Azazel seria um dos sete arque-demônios de Satã que faziam contrapartida aos sete arcanjos de Deus. Policiais constataram, ainda, que ele tinha tal inscrição tatuada nas costas.

“Diante das circunstâncias, o indivíduo foi conduzido até da sede da 1ª DIG-DEIC, onde formalmente confessou ter de fato realizado as pichações, indicando cada uma delas. Após ser ouvido, foi liberado e deverá responder pela conduta delituosa – a qual é prevista no artigo 65, da Lei 9.605/98 (Lei de Crimes Ambientais), cuja pena prevista varia de 6 meses a um ano de detenção e multa”, informou a Polícia Civil.

Ele tem 18 anos de idade.

Histórico

Em 2019, quando ainda menor de idade, este mesmo indivíduo foi conduzido até a delegacia em companhia de outros três indivíduos. Eles haviam sido abordados com latas de spray, após realizarem pichação em imóvel na Rua do Porto.

Foto: Polícia Civil.
Foto: Polícia Civil.
Foto: Polícia Civil.
Foto: Polícia Civil.
Foto: Polícia Civil.
Foto: Polícia Civil.
Foto: Polícia Civil.
Informar Erro

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Leia também

Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com tal monitoramento.

Prosseguir