Mulher com 80% do corpo queimado por companheiro morre em Campinas (SP)

- PUBLICIDADE -

Fátima Aparecida Bertoline, de 40 anos, morreu nesta terça-feira (12), em Campinas (SP), após ser queimada pelo companheiro e ficar seis dias internada na Santa Casa.

Foto: Sarah Brito

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

O crime aconteceu em um imóvel abandonado no cruzamento da Avenida Barão de Itapura com a Rua Osvaldo Cruz, no dia seis deste mês, no bairro Barão Geraldo, em Campinas (SP).

No dia, a Polícia Militar (PM) foi acionada para atender uma ocorrência do mesmo casal após uma briga, mais tarde os policiais receberam informações que o homem havia ateado fogo na própria mulher.

Uma equipe do SAMU também foi acionada, socorreu a vítima que foi encaminhada ao HC da Unicamp. Após os primeiros procedimentos médicos, a mulher foi transferida à Santa Casa, local onde ela permaneceu seis dias internada com 80% do corpo queimado.

O criminoso foi detido no mesmo dia do crime, em conversa com os policiais ele não confessou o ato, porém a autoridade de plantão fez a prisão em flagrante na Delegacia de Defesa da Mulher.

O caso foi registrado como tentativa de homicídio na ocasião e o suspeito teve a prisão convertida em preventiva após audiência de custódia.

Informar Erro

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Leia também

Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com tal monitoramento.

Prosseguir