Prefeitura de Piracicaba vai à Justiça para pedir reclassificação da cidade

- PUBLICIDADE -

Em uma nova reunião ocorrida nesta terça-feira (04) com o grupo de trabalho do coronavírus, o prefeito Barjas Negri autorizou a Procuradoria-geral do município a entrar no Tribunal de Justiça do Estado, com mandado de segurança, pedindo a reclassificação de Piracicaba no Plano São Paulo. Barjas e os secretários acham incorreta a posição do Estado de SP de não reclassificar Piracicaba da Fase Vermelha para a Fase Laranja, considerando a boa evolução do seu status de índices.

Uma foto do prédio da Prefeitura de Piracicaba
Foto: Wagner Romano / PIRANOT

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Como argumento, o procurador-geral do município, Sérgio Bissoli, irá comparar o status de índices da região com a de São José do Rio Preto — que está praticamente igual. Contudo, São José do Rio Preto foi para a Fase Laranja, enquanto Piracicaba se manteve na fase vermelha, mesmo com a evolução dos índices. Num primeiro momento, o grupo decidiu questionar, por meio de ofício, o governador João Dória e também aos secretários estaduais Marcos Vinholi (Desenvolvimento Regional) e Patrícia Ellen da Silva (Desenvolvimento Econômico). Como Piracicaba ainda não obteve resposta, Barjas autorizou a Procuradoria-geral da cidade a impetrar a ação para tentar conseguir a mudança de fase da cidade.

O secretário de Saúde, Pedro Mello, lembrou que, com o apoio do Estado, a região ganhou novos respiradores o que permitiu aumentar sua retaguarda de atendimento com a criação de novas UTI’s. No caso de Piracicaba, por exemplo, o número de UTI’s dobrou em quatro meses. No status de indicadores, entre os critérios do Plano São Paulo, a região tem duas classificações Laranja e mais duas Amarela, além de uma Verde;  já São José do Rio Preto tem três Laranja, uma Amarela e uma Verde.

Bissoli entende que, hoje, a cidade melhorou o seu status e a região poderia, conforme o Estado, entrar na Fase Laranja. Nas últimas dias, houve um esforço enorme da Prefeitura em ampliar a sua retaguarda hospital com a criação de leitos de UTI. Portanto, já faz três semanas que Piracicaba está na Fase Vermelha, sendo que deveria estar na Fase Amarela.

Atualmente, a taxa de ocupação da cidade está abaixo dos 80%. Porém, a cidade aguarda a homologação de mais 22 leitos de UTI, o que ampliará ainda mais a retaguarda hospitalar.

Leia também aqui no PIRANOT:

Informar Erro

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Leia também

Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com tal monitoramento.

Prosseguir