Salãozinho de Humor anuncia selecionados da 18ª edição, em Piracicaba

Ao todo, foram inscritos 1.050 trabalhos entre desenhos e esculturas; destes, 60 foram escolhidos pelo júri

- PUBLICIDADE -

Os selecionados para a exposição online do 18º Salãozinho de Humor de Piracicaba já têm seus nomes divulgados no << www.salaointernacionaldehumor.com.br >>. Ao todo, foram inscritos 1.050 trabalhos entre desenhos e esculturas; desses, 60 escolhidos pelo júri de seleção e premiação para a mostra que abrigará 30 obras de cada faixa etária: de 07 a 10 anos e de 11 a 14 anos.

Uma foto do júri analisando os trabalhos do 18º Salãozinho de Humor de Piracicaba
Foto: SemacTur.

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

“Despertar o interesse pelo desenho de humor e incentivar a convivência com as manifestações artísticas e culturais são os dois principais objetivos do Salãozinho”, declara o humorista Paulo Bonfá, presidente desta edição do evento. Os trabalhos inscritos por estudantes da rede municipal, estadual e particular de ensino vieram de cidades como Mogi Guaçu, Mogi Mirim, Sumaré, Piracicaba, São Paulo e também, de Boa Vista, Roraima.

De acordo com Erasmo Spadotto, diretor do Cedhu, os temas de maior abordagem neste ano foram a Covid-19 e a política. “Por ser um ano de distanciamento social, as oficinas do projeto Humor na Sala de Aula não foram possíveis com os professores da rede, ainda assim, considero expressivo, o número de trabalhos enviados. O desenho, como uma linguagem universal permite que crianças e adolescentes se comuniquem facilmente por ele, até mesmo em tempos de pandemia”, comenta.

Odair Demarchi e Patrícia Scalon, jurados desta edição explicam que, apesar do formato ser diferenciado neste ano, muitas crianças e adolescentes participaram. “Observamos o quanto as oficinas com os professores fizeram falta na construção e percepção dos trabalhos; recebemos muitos desenhos e esculturas como proposta de atividade, feitos com materiais recicláveis e, embora tenha faltado um pouco da reflexão e do humor do Salãozinho, eles foram muito bem construídos”, ressalta Demarchi.

“É a primeira vez que participo como jurada e achei sensacional. Os trabalhos estão bem elaborados, principalmente os desenhos feitos em papel. Acredito que mesmo como exposição virtual, o Salãozinho será um grande sucesso”, conclui Patrícia Scalon de Almeida, professora de artes.

Neste ano seis obras serão premiadas – três por faixa etária, sendo primeiro, segundo e terceiro lugares. Os prêmios serão apoiados pelo Instituto Arcor Brasil

Sobre o Salãozinho de Humor

Surgiu com o objetivo de usar o desenho como ferramenta de conhecimento e forma de mediação entre a arte e a educação, além de fomentar o desenvolvimento de novos artistas e incentivar a formação de um público que esteja mais familiarizado com o desenho de humor.

Jorge Camargo Paes de Almeida, morador de Roraima é um dos selecionados para a exposição. “Essa é a primeira vez que participo e quis abordar um pouco a questão da floresta amazônica e proteção aos índios. Estou muito feliz por ter sido selecionado”, diz.

A exposição online do Salãozinho de Humor contará neste ano, com 12 esculturas e 48 trabalhos em papel.

Informar Erro

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Leia também

Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com tal monitoramento.

Prosseguir