XV empata em 1 a 1 com o Bragantino e deixa zona de rebaixamento

.

- PUBLICIDADE -

O XV de Piracicaba enfrentou o Bragantino na noite desta quarta-feira, 29, no estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista, e empatou em 1 a 1. Romarinho, no fim da primeira etapa, abriu o marcador em belo arremate após jogada ensaiada em cobrança de falta, e Guilherme Mattis, aos 45 minutos do segundo tempo, marcou o tento do time da casa que decretou o placar.

A partida foi válida pela 14ª rodada do Campeonato Paulista Série A2. O Nhô Quim, que teve a estreia do técnico Vica, volta a campo pela competição no próximo sábado, contra o Oeste, às 18h00, no Barão da Serra Negra. Com o resultado, o Alvinegro deixou a zona de rebaixamento e subiu para o décimo quarto lugar, com 15 pontos somados.

 

O JOGO – Bragantino e XV fizeram um primeiro tempo equilibrado. O time de Piracicaba apostava na velocidade dos seus atacantes e chegou bem aos nove minutos, quando Romarinho avançou pela esquerda e bateu cruzado, mas a bola saiu pela linha de fundo. Os donos da casa deram trabalho ao goleiro Mateus Pasinato em finalização, aos 11 minutos, de Rafael Grampola. A bola saiu em escanteio.

O Nhô Quim também resolveu arriscar de fora da área. Romarinho recebeu pela direita, aos 36 minutos, cortou para o meio e chutou forte. Renan Rocha defendeu e Zé Mateus pegou o rebote, o arremate, porém, foi por cima do gol. Três minutos depois, Mateus Pasinato fez uma linda defesa após Edson Sitta, próximo à marca do pênalti, cabecear. Porém, quem abriu o marcador foi mesmo o Alvinegro Piracicabano. Romarinho, depois de jogada ensaiada em cobrança de falta na entrada da área, aos 43 minutos, mandou a bola no ângulo direito de Renan Rocha.

Na segunda etapa os donos da casa se lançaram ao ataque em busca do empate e aos 18 minutos Rafael Grampola teve boa chance na área, mas Pasinato fechou bem o ângulo do atacante e fez a defesa. Com a zaga quinzista bem postada, o Leão resolveu arriscar alguns chutes de longe, como o de Rafael Barros, aos 30 minutos, que foi por cima do travessão. O XV chegou a marcar o segundo, com Rodrigo, de cabeça, mas o impedimento foi assinalado. Quando parecia que o jogo ficaria mesmo em 1 a 0 para o Nhô Quim, Guilherme Mattis, aos 45 minutos, aproveitou cobrança de escanteio e, de cabeça, deu números finais ao duelo: 1 a 1.

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Informar Erro

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Leia também

Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com tal monitoramento.

Prosseguir