Ação policial em Tribunal do Crime termina com bandidos mortos e feridos, em Limeira

- PUBLICIDADE -

Na noite desta terça-feira (14), uma ação policial em um terminal do crime deixou dois criminosos mortos e outros quatro gravemente feridos no município de Limeira. A ocorrência foi por volta das 20h50.

Foto: Cauê Pixitelli.

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

De acordo com informações da Polícia Militar, policiais receberam informações de que estaria ocorrendo um tribunal do crime pelas imediações do bairro Nova Limeira e que os criminosos estariam utilizando três veículos — um Hyundai HB20 preto;  um VW Gol branco;  e um Ford Escort azul com placas de Piracicaba (SP).

O veículo Hyundai HB20 preto foi flagrado transitando pelo bairro Ferrão, área rural de Limeira, em alta velocidade e com três bandidos a bordo. Eles até tentaram empreender fuga, porém acabaram detidos logo em seguida pelos policiais militares. Um dos criminosos se desvencilhou de uma bateria de celular e quebrou um aparelho de marca Samsung; com o outro, foi encontrado uma munição de calibre 22 e um celular da marca Motorola; enquanto que o terceiro criminoso portava apenas um celular prateado.

Ao mesmo tempo, uma equipe da Rocam perseguia o veículo VW Gol branco pela estrada municipal de Limeira, com quatro criminosos dentro. A perseguição, porém, não durou muito tempo, visto que, ao adentrar a alça de acesso da Rodovia Anhanguera, o Gol colidiu contra um caminhão Scania com placas de Paulínia (SP). Por conta do acidente, todos os quatro criminosos ficaram presos às ferragens. A Unidade de Resgate do Corpo de Bombeiros foi acionada ao local e socorreu todos os quatro criminosos, em estado grave, ao Pronto Socorro do município. Todos portavam celulares, armas, munições e R$ 380 reais em espécie.

O último veículo, o Ford Escort azul com dois criminosos a bordo, também foi encontrado por uma equipe da Força Tática. Após perceberem a aproximação policial, na Rodovia Anhanguera, eles desembarcaram do veículo e efetuaram disparos de arma de fogo contra os policiais; a fim de se defenderem, policiais revidaram. Ambos os criminosos entraram em óbito no local, ainda antes da chegada do SAMU (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência).

Tribunal do crime

Durante diligências em meio a uma plantação de cana de açúcar, próximo à estrada municipal LIM-353, o 1° Tenente da PM Bruno encontrou uma cova coberta por terra e folhagens de cana. Mais tarde, foi identificado dentro desta cova um cadáver masculino, com ferimento aparente de arma de fogo na região da cabeça.

A Polícia Civil registrou o caso como crime de homicídio qualificado, ocultação de cadáver e integração a organização criminosa.

  • ESTAMOS NO INSTA – conheça e siga o PIRANOT também no Instagram. Clique aqui.
Informar Erro

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Leia também

Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com tal monitoramento.

Prosseguir