SBT Memória: o Charme de Galisteu nas tardes da emissora

- PUBLICIDADE -

Semanalmente você faz uma “viagem no tempo” com os programas que marcaram época da emissora de Sílvio Santos. Só aqui no SBT Memória – coluna de Daniel Yahir publicada no Blog Oficial (www.danielyahirtv.blogspot.com) e no site Piracicaba Notícias (www.piranot.com)

“Como vai Galisteu?” “Eu vou muito bem! E você já ganhou 50 reais”. Assim começavam os games do  Charme, de Adriane Galisteu, que estreou em outubro de 2004 e permaneceu no ar até março de 2008 . O formato do programa era importado da Argentina (Hola Susana) e já tinha servido de base para o Alô Christina – também do SBT, comandado por Christina Rocha entre 1997 e 1998.

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Charme teve diversas fases. Na primeira foi exibido diariamente nas tardes da emissora e contava com games pelo telefone. Os telespectadores tinham que adivinhar, por exemplo, a quantidade de fósforo ou de feijões contidos em um copo. Embora tivesse boa audiência no início, por diversas vezes Galisteu reclamou publicamente do formato da atração pois desejava realizar no SBT algo no estilo do É Show (que havia apresentado na Rede Record).

Meses depois, com a audiência em baixa o dono da emissora Sílvio Santos ordenou uma série de mudanças de horário no programa. Passou a ser exibido aos sábados 21h e logo depois voltou a ser diário (desta vez com novo diretor).

Em dezembro de 1996 os telespectadores foram surpreendidos com a volta diária do Charme nas tardes – desta vez apresentado por Celso Portiolli. Além dos games, Portiolli trazia um quadro de namoros – que depois virou uma atração ‘a parte chamada Namoro na TV e etc.

Em 29 de janeiro de 2007 Adriane volta ao programa mas nas madrugadas, no formato de talk show e gravado. Esta talvez tenha sido a mudança que mais agradou a loira. Depois passou a ser veiculado ‘as quartas ‘a noite. Mas desta vez a mudança não agradou ‘a Sílvio Santos, pois a audiência era menor ainda e comercialmente as cotas de patrocínio eram semanais ao invés de diárias.

Em 24 de dezembro deste mesmo ano Galisteu tira férias e Patricia Salvador assume a atração – que volta com o estilo games por telefone e alegrando as madrugadas do SBT.

Quase batendo o recorde do Programa Livre em termos de mudança de horário, volta para as 15h e com comando de Galisteu em 14 de janeiro de 2008. Quando finalmente parecia que tudo ia entrar nos eixos uma nova ordem de Sílvio Santos joga o programa novamente para as madrugadas – desta vez ao vivo e com os games já conhecidos do público – de uma ‘as três da manhã. Adriane apresenta neste horário “ingrato” na semana de 11 a 18 de março de 2008 quando finalmente o Charme é extinto.

Apesar de todos os problemas enfrentados nesse período o nome de Adriane Galisteu aparece forte para uma possível volta ao SBT já que o perfume que leva seu nome (produzido pela Jequiti, também do grupo Sílvio Santos) é campeão de vendas e atrações comandadas pela loira atraem sempre bons anunciantes.

Informar Erro

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Leia também

Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com tal monitoramento.

Prosseguir