Torcedores do Santos morrem baleados após briga com palmeirenses neste domingo (23)

A confusão aconteceu horas depois da partida entre Palmeiras e Santos, válida pelo Campeonato Brasileiro, que acabou com vitória do Palmeiras

- PUBLICIDADE -

Dois torcedores do Santos morreram baleados, na noite deste domingo (23), durante uma briga com torcedores do Palmeiras em um posto de gasolina da cidade de Mauá, na Grande São Paulo. Uma das vítimas fatais é Higor Matias Toledo, de 22 anos. O outro santista morto é Sérgio Henrique Belisari da Silva, 21 anos.

Uma foto de Higor Matias Toledo que foi morto a tiros por torcedores do Palmeiras
Higor Matias Toledo, torcedor do Santos morto a tiros. Foto: Facebook

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

A confusão aconteceu horas depois da partida entre Palmeiras e Santos, válida pelo Campeonato Brasileiro, que acabou com vitória do Palmeiras por 2 a 1.

Segundo testemunhas, um grupo de torcedores do Palmeiras estava reunido bebendo na avenida, quando um grupo de torcedores do Santos se aproximou e foi iniciada uma briga generalizada após provocações de membros de torcidas organizadas dos dois times. Garrafas, barras de ferro e pedaços de madeira foram utilizados em um primeiro momento.

Durante a briga, um palmeirense acabou sacando uma arma e atirando em três santistas. Um deles foi atingido de raspão e não se feriu gravemente, mas os outros dois morreram a caminho do hospital.

O criminoso fugiu de carro do local com outras duas pessoas, mas foi abordado pela Polícia Militar instantes depois. Eles confessaram o crime e foram presos.

O caso está sendo investigado pelo 1º DP de Mauá. A polícia busca informações sobre quem teria começado a confusão no posto.

Informar Erro

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Leia também

Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com tal monitoramento.

Prosseguir