Em maio, piracicabanos se chocaram com homicídio e suicídio dentro do Samu

.

- PUBLICIDADE -

Em maio de 2016, o PIRANOT seguiu acompanhando as principais noticias policiais de Piracicaba e região. Selecionamos as quatro mais acessadas para relembrar na nossa retrospectiva. Confira!

Foto: Divulgação

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

HOMICÍDIO – A Guarda Civil das cidades de Piracicaba e Rio das Pedras atenderam no dia 09 a uma ocorrência de homicídio no limite dos dois municípios quando um jovem de aproximadamente 20 anos foi encontrado morto por populares.

De acordo com o agente público Valverde, o cadáver estava próximo ao Ceasa. “Foram aproximadamente três tiros no crânio e pescoço. Ele foi encontrado por pessoas que estavam a caminho do trabalho e avistaram algo parecendo ser um corpo caído em um canavial as margens de uma estrada e nos acionaram.”, disse.

Foto: Tonny Machado / Raízes FM

FATAL – Tais Roberta Batagin, de 38 anos, não resistiu aos ferimentos de um grave acidente na manhã do dia 22 e morreu após dar entrada em um hospital. Duas pessoas ficaram feridas.

Segundo a rádio Raízes FM, dois carros colidiram por volta das 06h20 na Rodovia Jornalista Francisco Aguirre Proença, na altura de Capivari. Batagin estava em um Fiat Palio e ficou presa nas ferragens sendo socorrida pelo Corpo de Bombeiros em estado grave. No outro veículo envolvido, um Volkswagen Golf, duas pessoas ficaram feridas. Todas as vítimas foram socorridas para o Pronto Socorro da Santa Casa do município.

Foto: Divulgação

TRAGÉDIA – O clínico geral do Samu de Piracicaba Jorel Bottene atirou e matou no dia 24 o coordenador da Central de Vagas do SUS Deives Dias de Oliveira após uma discussão. Ele se suicidou em seguida. O teor da briga ainda não foi revelado, mas os dois mantinham desentendimentos referentes as rotinas administrativas. O atirador não concordava com algumas delas enquanto a vítima exigia que regras fossem seguidas.

Naquela manhã, Bottene não estava em plantão, mas mesmo assim foi à central armado para falar com Oliveira. A polícia vai investigar se o crime foi premeditado.

O caso chocou Piracicaba.

Foto: Reprodução / Facebook

TRISTEZA – No dia 28, a leitora do PIRANOT Monica Mascarenhas, de 23 anos, morreu após ser atropelada por um motorista alcoolizado. A jovem saia do trabalho em um salão de beleza e voltava para casa em uma Honda Bis quando a tragédia aconteceu próximo do Sesi. O homem foi localizado pela Polícia Militar e preso na mesma região quando preparava uma mala para deixar a cidade.

Informar Erro

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Leia também

Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com tal monitoramento.

Prosseguir